Pergunta: Gostaria que o senhor me ajudasse. Vendi o apartamento onde morava e comprei outro menor, de modo que tenho uma sobra razoável para aplicar. Gostaria de uma dica de aplicação segura que gerasse uma renda mensal para eu me manter. (N.G.)

Resposta:

Ter uma renda suficiente para se manter proveniente de investimentos irá depender do seu padrão de vida, do valor disponível para investimento e do tempo que este dinheiro deverá durar.

Como você escreveu “aplicação segura”, imagino que esteja procurando um investimento de baixo risco; e, como necessita de renda mensal, o investimento também precisa ser de alta liquidez (ou seja, com possibilidade de resgate a qualquer momento).

As opções mais adequadas para o seu caso seriam:

(1) CDB-DI, cuja rentabilidade dependerá da instituição, do prazo e do volume. Quanto maior o prazo e o volume, melhor o retorno.

(2) Fundo DI: quanto maior o volume, menor será a taxa de administração, o que implica em melhor rentabilidade.

(3) Caderneta de poupança: com os juros básicos (SELIC) seguindo uma tendência de alta, a poupança tende a apresentar retorno mais baixo do que os demais investimentos para quem tem um bom volume de recursos (mais de R$ 10 mil).

(4) Tesouro Direto: Neste caso, você deve pesquisar bem os custos de corretagem, pois variam muito entre as instituições.Além disso, há também o risco de perda, caso a venda do título se dê muito antes do vencimento, pois as negociações são feitas pelo valor de mercado (somente às quartas-feiras).

Enfim, como observação final, recomendo que faça um bom controle e planejamento financeiro. Lembre-se de que, ao gastar mais do que os juros reais recebidos (isto é, descontando-se a inflação), você estará “destruindo” o seu capital e, consequentemente, deixando de ter uma renda no futuro.